top of page
  • webelosocial

Troca da frota de veículos já era um sonho de Bolsonaro

Lei cria o Programa de Aumento da Produtividade da Frota Rodoviária no país (Renovar)


A sanção é essencial para a renovação da frota de veículos no país


Confira matéria na íntegra postada no site do Governo (gov.br) em 05/09/2022:


O Programa tem por objetivo a retirada de circulação veículos que estejam no fim da vida útil e destiná-los ao desmonte ou à sucata - Foto: Banco de Imagens

Foi sancionado o Projeto de Lei de Conversão nº 19, de 2022 (Medida Provisória nº 1.112, de 2022), que institui o Programa de Aumento da Produtividade da Frota Rodoviária no país (Renovar); e alterou outras legislações.


O Programa Renovar tem por objetivo a retirada de circulação veículos que estejam no fim da vida útil e destiná-los ao desmonte ou à sucata, com o intuito de reduzir os custos da logística no país; aumentar a produtividade, a competitividade e a eficiência do transporte rodoviário; gerar impactos positivos na competitividade dos produtos brasileiros e contribuir para a diminuição dos níveis de emissão de poluentes pela frota rodoviária.


Para isso, o programa contará com iniciativas de âmbito nacional, regional ou por segmentação por produto ou usuário, articuladas por meio da Plataforma Renovar, que será administrada pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).


A adesão ao Renovar será voluntária, e os transportadores autônomos e os associados das cooperativas de transporte rodoviário de carga terão prioridade de acesso aos benefícios do programa, que poderão incluir linhas de crédito junto ao BNDES e a remissão de débitos não tributários do veículo para com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Polícia Rodoviária Federal que estejam vencidos há três anos ou mais e cujo valor total em cada órgão, não ultrapasse R$ 5.000,00 (cinco mil reais).


A entrega do veículo elegível à empresa de desmontagem ou ao responsável por seu recebimento será de responsabilidade do beneficiário, e essas empresas participantes do Renovar poderão comercializar os materiais decorrentes da desmontagem ou da destruição do veículo como sucata.


Além disso, dentre as alterações legislativas apresentadas pela proposição, houve a alteração do Código de Trânsito Brasileiro para prever que a notificação do proprietário do veículo ou do condutor autuado será feita por meio eletrônico, podendo esta ocorrer excepcionalmente, mediante manifestação prévia do proprietário ou do condutor, por meio de remessa postal.


A sanção contribuirá para a redução dos custos do transporte de carga, tornando mais competitivos os produtos brasileiros focados na exportação.

Com informações da Secretaria-Geral

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

ความคิดเห็น


bottom of page